Domingo, 3 de Maio de 2009

Se eu pudesse...Mãe!

foto de Nicolas Valentin

 

Devolvia-te o teu  reflexo enquanto jovem.

 

[ mas não posso ]

 

 

neste momento estou: meio triste

escrevinhado por MT-Teresa às 16:56
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
partilhar
Terça-feira, 21 de Abril de 2009

Ilusão

 
O nosso rosto reflectido no espelho a sorrir-nos

Como se não tivessemos envelhecido

  Como se ainda tivessemos todo o tempo do mundo para viver

 
 


escrevinhado por MT-Teresa às 07:29
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
partilhar
Terça-feira, 30 de Dezembro de 2008

Feliz Ano Novo

 
 
Recomeça

Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado
Vai colhendo
Ilusões sucessivas no pomar
Sempre a sonhar
E vendo
Acordado,
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde com lucidez, te reconheças.

Miguel Torga  
 
......................

 
Com o ano a terminar desejo a todos um Bom Ano 2009 e, como não podia deixar de ser, deixo-vos como último post de 2008, a Poesia.

 
 

neste momento estou: a passar mais um ano

escrevinhado por MT-Teresa às 22:59
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
partilhar
Segunda-feira, 3 de Novembro de 2008

E por vezes ...

(desconheço o autor da imagem)

 
 

... e por vezes sorrimos ou choramos
e por vezes por vezes
ah por vezes
num segundo se evolam tantos anos ...
 

David Mourão Ferreira
 

escrevinhado por MT-Teresa às 23:04
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 24 de Julho de 2008

Amiga

Óleo de Picasso

 
 
 

As palavras perderam-se na imensidão da ausência

que nos impôs a vida.

A tua dor sem remédio e calada no teu peito.

A tua dor sem lágrimas, funda e transparente.  

Igual ao teu rosto inconformado e grave.

 

Amiga, já não corremos felizes pelos campos...

 

 
 

neste momento estou: um pouco triste

escrevinhado por MT-Teresa às 22:36
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
partilhar
Quarta-feira, 11 de Junho de 2008

Os ciclos

   Shadow Word generated at Pimp-My-Profile.com

 
 
Dei-me conta deste número redondo, hoje, ao olhar para o contador aqui ao lado.

 

É certo que o Vivências começou por ser um espaço solitário que eu decidira criar para preencher alguns vazios e desencantos e que com o correr do tempo acabou por se tornar o meu "canto" diário de lazer e desabafo.

Coloquei nele as coisas que mais gosto: música; pintura; poesia; fotografia; dança; cinema; livros; e, acreditem, deu-me um prazer imenso.

 

Muito do que eu sou está aqui.

E muitos destes visitantes, a maioria anónimos, penso que o entenderam, mesmo sem conhecerem o meu rosto e apenas sabendo que me chamo Teresa ( MT, como o meu filho carinhosamente me chama).

Foram importantes para mim, as "palavras" que me foram deixando os amigos e muitos desconhecidos; e o incentivo e apreço de outros, que pela sua presença amiga, passaram a ser "conhecidos"  (na alma e no sentir)

 

Tenho saudades de algumas presenças que deixaram de "ser". Lembrar-me-ei sempre desses.

 

Há ciclos que não se repetem. Eu própria estou diferente e tenho sentido nos últimos tempos que já não faz tanto sentido continuar neste registo.

 

Confesso, ando a adiar a decisão. Afinal este é um "filho" muito querido que eu criei e custa-me deixá-lo entregue a si próprio.

 

Mas um dia destes terei que ganhar coragem e fechar este ciclo que começou em Setembro de 2006.

 

Este post não é ainda o fim.

É um agradecimento e ao mesmo tempo uma explicação a todos quantos eu me habituei a sentir aqui e que eu estimo.

 

Com amizade

 

Teresa (MT)

 
 

 

neste momento estou: a desabafar

escrevinhado por MT-Teresa às 22:11
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 9 de Maio de 2008

O Canto dos Pássaros

 
 

Pela manhã

Adormecem luas no meu peito.

O meu corpo desperta no teu

e o sol que entra pela janela

inunda a casa, expulsando as sombras

persistentes da ausência

 

o canto dos pássaros

confunde-se com os passos

que já percorreram os quartos

e que ficaram gravados

na memória da casa

 

agora são os teus

que se ouvem, apenas os teus

e o cantar dos pássaros... 

 
  
 


 


 

neste momento estou: desperta
ao som de: Morning - Grieg

escrevinhado por MT-Teresa às 07:17
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
partilhar
Domingo, 4 de Maio de 2008

Não envelheças, Mãe!

 
Mãe
Não quero ver a velhice a tomar conta
Dos teus gestos, da tua memória, dos teus passos.
 
 
Quando te olho
É o meu reflexo que vislumbro
No espelho do tempo 
De mão dada com a infância
Que já não tenho
 
Passou tão depresa, Mãe...!
O nosso tempo dos risos e das brincadeiras
De meninas.
 
Não sei porquê, Mãe, mas cego
Perante os sinais do tempo
Que te está a levar de mim
Aos poucos, de mansinho.
 
Não envelheças Mãe.
Não assim. Tão de repente.
 
 

neste momento estou: um pouco triste

escrevinhado por MT-Teresa às 21:38
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 17 de Abril de 2008

O Tempo que passa

 

"The Book of Ages" de Mike Warrol

 
 

Escrevo-te a oiro no livro do tempo onde registo a vida.  

Sou porque tu és.

Este amor, meu filho, não se escreve.

 
Parabéns.


 

 

 

  

neste momento estou: feliz pelo meu filho

escrevinhado por MT-Teresa às 07:25
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Desassossegos

 
Foto de MTeresaVivências

 
     
Sofri em mim, comigo passearam, à beira ouvida do mar, os desassossegos de todos os tempos. O que os homens quiseram e não fizeram, o que mataram fazendo-o, o que as almas foram e ninguém disse - de tudo isto se formou a alma sensível com que passeei de noite à beira-mar.

 
Fernando Pessoa ( Livro do desassossego - excerto)

 
 

neste momento estou: sem tempo

escrevinhado por MT-Teresa às 08:17
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
partilhar
Domingo, 17 de Fevereiro de 2008

O Livro Branco

(imagem retirada  do google)

 

agora, as letras são brancas
e o que escrevo só eu leio,
as palavras, essas,  que já não escrevo
mas que me pertencem, inteiras,
são roubadas pelo tempo
que agora não tenho
 
mas, ainda as sinto...
como se escrevesse
a preto, num livro aberto 
e branco.
 
 
 
neste momento estou: sem tempo

escrevinhado por MT-Teresa às 09:27
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
partilhar
Sábado, 9 de Fevereiro de 2008

O Jardim Secreto

  

Foto MTeresaVivências

 

 
e das profundezas do meu sentir azul

[onde as alvoradas se escondiam]

amanhecem flores rosáceas...

 

o vazio dilui-se na mistura líquida dos prantos

e o sal sagrado da tua boca tempera o meu corpo

dando vida às areias moribundas da paixão

 

lentamente, deixo que invadas o meu jardim secreto

onde amores nascem e morrem ao sabor do vento 

 

...cheio de ternura, semeias uma flor no chão do meu desejo

 

 

 

 

neste momento estou: bem

escrevinhado por MT-Teresa às 09:52
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
partilhar
Sábado, 29 de Dezembro de 2007

Tempo

Fotografia de Jonas Valtersson

 
Pássaro azul nas mãos do tempo

Musa florida na Primavera dos sentidos

Olhos d'água a escorrer desejos         Amores

Passados        E logo outros          a sorrir palavras

em jardins encantados e secretos

Penas feitas de silêncios            A gritar destinos

E a tecer o tempo

 

Tempo     Um ano    Uma vida

Um caminho

 

 

 


escrevinhado por MT-Teresa às 22:04
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 26 de Abril de 2007

Depois da Festa

 

.

 

Há dias de festa. Únicos em intensidade e alegria.
 
Que fazer ao silêncio, depois da festa?
.
.
neste momento estou: presa no silêncio
tags: ,

escrevinhado por MT-Teresa às 06:43
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
partilhar

Esta sou eu

segue-me

. 51 seguidores

Vivências Recentes

Se eu pudesse...Mãe!

Ilusão

Feliz Ano Novo

E por vezes ...

Amiga

Os ciclos

O Canto dos Pássaros

Não envelheças, Mãe!

O Tempo que passa

Desassossegos

O Livro Branco

O Jardim Secreto

Tempo

Depois da Festa

Vivências Passadas

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Quem visito e me visita

mais comentados

17 comentários
12 comentários
12 comentários
10 comentários
8 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários

últ. comentários

Eu quase choro com esse texto, é muito emocional. ...
http://relatodeumaborto.webnode.com/ Minha Histori...
Oi GENTE MEU NOME E ROSE TENHO 13 EU SO...
Chocante
oi meu nome é joice e eu to grávida ...
eu sou totalmente contra o aborto... eu tenho 15 a...
Acho o seguinte: todos cometemos erros! Com certez...
tb naum axo certo o aborto...matarem seu proprio f...
Isso e uma falta de ética. Pq... Q na hr q ...
Olá, Tenho 18 anos , minha namorada é mais nova do...
As nuvens passam, as amaçadores também. Desejo que...
JoãoDesistir nunca! Apenas deixei de escrever, mas...
Todos temos dores, sofremos. [Error: Irreparable i...
Aborto uma das piores coisas da vida,um ser apagan...
ESte blog é muito simpatico, Gostei,Miguel

tags

25 de abril(5)

abril(9)

adeus(9)

alegria(5)

amigos(30)

amizade(14)

amor(137)

aniversário(9)

ano novo(3)

arte(7)

ausência(17)

azuis(9)

beleza(7)

blog(41)

blogue(5)

café(3)

casa das flores(3)

cecilia meireles(6)

cinema(4)

cinza(3)

citação(29)

coisas simples(4)

consciência(3)

cores(3)

dança(16)

david mourão ferreira(7)

descoberta(3)

desejos(7)

desencontro(4)

dia do livro(3)

dor(4)

encontro(4)

enganos(5)

escolhas(4)

escrita(3)

espectaculo(3)

eu(12)

eugénio de andrade(5)

fado(4)

férias(5)

fernando pessoa(3)

filho(15)

fim(4)

florbela espanca(5)

flores(17)

fotografia(13)

fotos(11)

fotos minhas(4)

ilusão(3)

inquietação(3)

joaquim sustelo(4)

josé l. santos(3)

lágrimas(3)

liberdade(13)

lisboa(10)

livros(8)

lua(6)

luz(4)

mãe(7)

manhãs(4)

mar(19)

margarida(4)

maria teresa horta(4)

máscaras(5)

memória(18)

miguel torga(7)

morte(6)

mulher(9)

música(19)

natal(8)

noite(19)

olhos(4)

pai(4)

paixão(16)

páscoa(4)

paz(9)

pintura(13)

poema(117)

poemas de amor(8)

poesia(85)

portugal(5)

primavera(6)

rugby(6)

saudade(24)

silêncio(15)

sol(5)

solidão(19)

sonho(9)

sonhos(4)

sophia m breyner(18)

tango(5)

tempo(14)

trabalho(5)

triste(4)

tristeza(15)

tu(4)

veneza(4)

vida(225)

video(17)

zeca afonso(4)

todas as tags

Pesquisa

 

Favoritos

Vivências

1º Aniversário

As nossas almas

Encontro Mágico

Estrela do Mar II

A Carícia do Sol

Parabéns Filho

A Teia

Dia do Livro

O Crepúsculo

subscrever feeds