Sábado, 7 de Março de 2009

Ilustração de um dia

 

Mulher - raiz

 

 

Mulher - refúgio 


 

 

 Mulher - sofrida


 

Mulher - vida

 

 

" Yo no pinto sueños... pinto mi realidad "

 

Frida  Kahlo

 
 

-  Em Portugal , no ano de 2008, foram registadas 44 mortes de mulheres vítimas de agressão doméstica.  

- Desde 2004, 183 mulheres morreram devido a actos de violência doméstica.

 
....

 

Estou quase a concordar com a minha amiga-irmã Margarida.

 

  - Celebrar o Dia Internacional da Mulher... para quê? 

 
 

 

neste momento estou: Sem vontade de celebrar

escrevinhado por MT-Teresa às 12:28
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
partilhar
Sábado, 8 de Março de 2008

A Mulher ( 8 de Março 2008)

 

Nascimento, de Paula Rego

  
... São altas essas roseiras de mulheres,

inclinadas como sinos, como violinos, dentro do som.

 
...

 

Há cidades cor de pérola onde as mulheres

existem velozmente. Onde

às vezes param, e são morosas

por dentro.

 
...

 

Há lugares de um esplendor virgem,

com mulheres puras cujas mãos

estremecem. Mulheres que imaginam

num supremo silêncio.

 

... Há mulheres que colocam cidades doces

e formidáveis no espaço, dentro

de ténues pérolas.

Que racham a luz de alto a baixo

e criam uma insondável ilusão...

 

Herberto Helder, " Lugar " (excertos)

 
 

( por falta de tempo e inspiração, deixo palavras de outros, para assinalar o Dia Internacional da Mulher )

 

Dedicado a todas as mulheres que passam por aqui.

E aos homens que reconhecem o direito de termos  "voz activa", não só hoje, mas todos os dias.

 
 

 

neste momento estou: mulher inteira

escrevinhado por MT-Teresa às 00:01
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
partilhar
Domingo, 25 de Novembro de 2007

Dia Internacional para Eliminação da Violência Contra as Mulheres

 

  foto artigo
Imagem e notícia retiradas daqui
 
 "Tudo começa com um grito e nunca deve acabar num grande silêncio"
    (lema da campanha publicitária do Conselho da Europa)
 
Estatisticas:
 
- Em Portugal no ano de 2006, foram assassinadas pelos maridos ou companheiros 39  mulheres e outras 43 ficaram feridas.

- O número de vítimas diárias ascende às 43 e os agressores são maioritariamente do sexo masculino, com 25 anos ou mais e geralmente companheiros, ex-cônjuges e ex-companheiros das vítimas.

- A maior motivação do agressor masculino é defender a "HONRA"

 

.....
 
Na qualidade de mulher que nunca foi vítima de agressão doméstica, o meu pensamento vai para aquelas que não conseguem dizer BASTA e que silenciam, consentem e permanecem. Vai, também, para os filhos que assistem e que muitas vezes são "incluídos" no  mesmo "saco de agressões" de que as mães são vítimas.
 
Até quando?
 

escrevinhado por MT-Teresa às 09:43
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
partilhar
Quarta-feira, 11 de Julho de 2007

A Mulher

(desligar a música de fundo e clicar no play)

.

 

Esta maravilha circula na Web.

Apreciem!

 

.

 

 

 

neste momento estou: em paz
tags: , ,

escrevinhado por MT-Teresa às 22:26
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
partilhar
Domingo, 15 de Abril de 2007

A Carícia do Sol

 

.

Com o Sol a acariciar-me languidamente
deixo-me arrastar de mão dada com o vento
para universos desconhecidos
e mares nunca alcançados
onde corais azulados alimentam  o meu corpo
 
Em êxtase sou levada por peixes prateados
que me iniciam na dança sensual das marés
cingindo-me num circulo de fogo
que me percorre o sangue
e me faz rodopiar  loucamente
ao som de flautas marinhas
que eu ouço encantada
e desfalecida de prazer
.
Teresa E
.
neste momento estou: bronzeada pelo sol
ao som de: Rodrigo Leão

escrevinhado por MT-Teresa às 22:43
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 8 de Março de 2007

Mulher

 Pintura de Daniel Gasson

.

Nascemos de amores perfeitos
Corremos nuas na areia
Nadamos em mares de lama  
Vestimo-nos de prata e fogo
Lutamos como guerreiras
Limpamos as nossas armas
Damos a mão ao sonho
Dormimos sózinhas na cama
Sorrimos por entre lágrimas
Amamos em frias esteiras
Plantamos os frutos da vida
Somos Mulheres
Inteiras!
 
.
Teresa E.
5/03/06
(postado em 6Dez06)
.
neste momento estou: bem
tags:

escrevinhado por MT-Teresa às 19:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
partilhar

Dia da Mulher com Eugénio de Andrade

 Jurgen Gork

.

Elas são as mães:
rompem do inferno, furam a treva,
arrastando
os seus mantos na poeira das estrelas.

.

Animais sonâmbulos,
dormem nos rios, na raiz do pão.

Na vulva sombria
é onde fazem o lume:
ali têm casa.
Em segredo, escondem
o latir lancinante dos seus cães.

Nos olhos, o relâmpago
negro do frio.

.

Longamente bebem
o silencio
nas próprias mãos.

O olhar
desafia as aves:
o seu voo é mais fundo.

. 

Sobre si se debruçam
a escutar
os passos do crepúsculo.

. 

Despem-se ao espelho
para entrarem
nas águas da sombra.

É quando dançam que todos os caminhos
levam ao mar.

São elas que fabricam o mel,
o aroma do luar,
o branco da rosa.

.

Quando o galo canta
Desprendem-se
para serem orvalho.

. 

Eugénio de Andrade

.

neste momento estou: Bem

escrevinhado por MT-Teresa às 07:41
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
partilhar
Terça-feira, 5 de Dezembro de 2006

Mulher

 "Blue Nude" de Matisse

 
Nascemos de amores perfeitos
Corremos nuas na areia
Nadamos em mares de lama  
Vestimo-nos de prata e fogo
Lutamos como guerreiras
Limpamos as nossas armas
Damos a mão ao sonho
Dormimos sózinhas na cama
Sorrimos por entre lágrimas
Amamos em frias esteiras
Plantamos os frutos da vida
Somos Mulheres
Inteiras!
 
Teresa E.
5/03/06
neste momento estou: mulher inteira
tags: ,

escrevinhado por MT-Teresa às 20:56
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
partilhar
Domingo, 3 de Dezembro de 2006

Areia

"Woman's Face" de Matisse

Fui pétala alva de rosa
Dancei ao vento cheirosa
Como uma flor caprichosa
Altiva e misteriosa
 
 
Não sabendo que um dia
numa manhã ventosa
A flor que eu fui morreria
 
Fui folha verde viçosa
A mais linda e vaidosa
Altaneira e briosa
Indiferente e charmosa
 
Esquecendo que um dia
numa tarde invernosa
A folha que eu fui cairia
 
Fui terra mãe semeada
Sedenta de ser regada
Árvore abençoada
Dei fruto, maravilhada
 
Rejeitando que um dia
numa noite tenebrosa
A terra que eu fui secaria
 
Agora ...
Sou grão de areia
Presa numa mão cheia
Embrulhada numa teia
 
 
Teresa E.
Set05
tags: ,

escrevinhado por MT-Teresa às 15:24
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
partilhar

Esta sou eu

segue-me

. 51 seguidores

Vivências Recentes

Ilustração de um dia

A Mulher ( 8 de Março 200...

Dia Internacional para El...

A Mulher

A Carícia do Sol

Mulher

Dia da Mulher com Eugénio...

Mulher

Areia

Vivências Passadas

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Quem visito e me visita

mais comentados

10 comentários
8 comentários
2 comentários
1 comentário
1 comentário

últ. comentários

Eu quase choro com esse texto, é muito emocional. ...
http://relatodeumaborto.webnode.com/ Minha Histori...
Oi GENTE MEU NOME E ROSE TENHO 13 EU SO...
Chocante
oi meu nome é joice e eu to grávida ...
eu sou totalmente contra o aborto... eu tenho 15 a...
Acho o seguinte: todos cometemos erros! Com certez...
tb naum axo certo o aborto...matarem seu proprio f...
Isso e uma falta de ética. Pq... Q na hr q ...
Olá, Tenho 18 anos , minha namorada é mais nova do...
As nuvens passam, as amaçadores também. Desejo que...
JoãoDesistir nunca! Apenas deixei de escrever, mas...
Todos temos dores, sofremos. [Error: Irreparable i...
Aborto uma das piores coisas da vida,um ser apagan...
ESte blog é muito simpatico, Gostei,Miguel

tags

25 de abril(5)

abril(9)

adeus(9)

alegria(5)

amigos(30)

amizade(14)

amor(137)

aniversário(9)

ano novo(3)

arte(7)

ausência(17)

azuis(9)

beleza(7)

blog(41)

blogue(5)

café(3)

casa das flores(3)

cecilia meireles(6)

cinema(4)

cinza(3)

citação(29)

coisas simples(4)

consciência(3)

cores(3)

dança(16)

david mourão ferreira(7)

descoberta(3)

desejos(7)

desencontro(4)

dia do livro(3)

dor(4)

encontro(4)

enganos(5)

escolhas(4)

escrita(3)

espectaculo(3)

eu(12)

eugénio de andrade(5)

fado(4)

férias(5)

fernando pessoa(3)

filho(15)

fim(4)

florbela espanca(5)

flores(17)

fotografia(13)

fotos(11)

fotos minhas(4)

ilusão(3)

inquietação(3)

joaquim sustelo(4)

josé l. santos(3)

lágrimas(3)

liberdade(13)

lisboa(10)

livros(8)

lua(6)

luz(4)

mãe(7)

manhãs(4)

mar(19)

margarida(4)

maria teresa horta(4)

máscaras(5)

memória(18)

miguel torga(7)

morte(6)

mulher(9)

música(19)

natal(8)

noite(19)

olhos(4)

pai(4)

paixão(16)

páscoa(4)

paz(9)

pintura(13)

poema(117)

poemas de amor(8)

poesia(85)

portugal(5)

primavera(6)

rugby(6)

saudade(24)

silêncio(15)

sol(5)

solidão(19)

sonho(9)

sonhos(4)

sophia m breyner(18)

tango(5)

tempo(14)

trabalho(5)

triste(4)

tristeza(15)

tu(4)

veneza(4)

vida(225)

video(17)

zeca afonso(4)

todas as tags

Pesquisa

 

Favoritos

Vivências

1º Aniversário

As nossas almas

Encontro Mágico

Estrela do Mar II

A Carícia do Sol

Parabéns Filho

A Teia

Dia do Livro

O Crepúsculo

subscrever feeds