Domingo, 28 de Setembro de 2008

Paul Newman - Os olhos azuis mais belos

 

 
"Há alguns que são actores natos, intuitivos. Eu não. Representar, para mim, é tão difícil como dragar um rio. É uma experiência dolorosa. Não tenho, muito simplesmente, nenhum talento intuitivo. O meu trabalho inquieta-me e estou sempre a queixar-me das minhas representações."

 

 
 1925 - 2008

 
Robert Forrester, vice-presidente da Fundação Newmans Own, afirmou num comunicado,

«A arte de Paul Newman era representar. A sua paixão eram as corridas. O seu amor eram a família e os amigos. E o seu coração e alma eram dedicados a ajudar a fazer o mundo um lugar melhor para todos»

(ver noticia aqui)

 
 


escrevinhado por MT-Teresa às 17:15
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
partilhar
Segunda-feira, 29 de Outubro de 2007

Ausência

 Foto: MT

 
 

 

Eu deixarei que morra em mim o desejo de amar os teus olhos que são doces
...
 
Eu deixarei... Tu irás e encostarás a tua face em outra face. 
Teus dedos enlaçarão outros dedos e tu desabrocharás

para a madrugada. 
Mas tu não saberás que quem te colheu fui eu,

porque eu fui o grande íntimo da noite.
Porque eu encostei minha face na face da noite

e ouvi a tua fala amorosa.
Porque meus dedos enlaçaram os dedos da névoa suspensos no espaço.
E eu trouxe até mim a misteriosa essência

do teu abandono desordenado.

 


Eu ficarei só como os veleiros nos pontos silenciosos.
Mas eu te possuirei como ninguém porque poderei partir.
E todas as lamentações do mar, do vento, do céu, das aves, das estrelas.
Serão a tua voz presente, a tua voz ausente, a tua voz serenizada.

     
 

Vinícius de Moraes

 


escrevinhado por MT-Teresa às 21:21
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
partilhar
Segunda-feira, 22 de Outubro de 2007

O travo amargo...

 

 

   (Imagem do Google)

 

Quando te perdi...


O travo amargo da tua partida

Desfez o mel da minha boca

Em flores feitas de sal


O delicado traço que ficou

Da tua escrita azul

Trespassou o meu corpo

(Que era divino nos teus braços)

E sorveu-me a vida

Enchendo-me de cansaços



Ah! Meu amor...ingrato!

 

Que farás tu da saudade

Quando ela te inquietar
E a minha ausência gritar

Que morri antes de ti? 

 
 
MT-Teresa
 

 

neste momento estou:

escrevinhado por MT-Teresa às 19:56
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
partilhar
Sábado, 11 de Agosto de 2007

O Virar da Página

 Foto de MT

 

.

 

Se alguém perguntar por mim, procurem no mar...

 

...talvez eu volte quando me encontrar!

.

neste momento estou: a virar uma página

escrevinhado por MT-Teresa às 08:49
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 12 de Julho de 2007

O Essencial

 

.

Vejo para lá do que é visível e encarnando a raposa que se deixou cativar, digo ao pequeno principe de cabelos cor do trigo para nunca se esquecer que "o essencial é invisivel aos olhos" .

.

Às vezes vejo coisas que o meu coração não quer ver. Mas vejo-as tão nitidamente escritas na minha alma a letras gordas e legíveis (demasiado) que acabo por tropeçar nelas. Claro que posso parecer tropêga, posso até quase cair. Mas não! Desvio simplesmente o sentido das coisas que não quero ou que aparentemente parece que não vejo. E retomo o caminho, inventando outras veredas, outras flores, outros cheiros, outros mares mas sempre, sempre, sendo eu própria.

.

As pausas, os cortes, os descansos e até mesmo as despedidas, são necessárias para que não nos deixemos afundar em rios subterrâneos e obscuros, onde a loucura, a mentira, o disfarce e até a calúnia navegam impunemente.

.

Entre a claridade e a escuridão, escolho a primeira e os espaços abertos.

.

Estou quase a ir de férias, mas a minha pausa no Vivências começa neste momento. Não sei ainda se será definitiva.

.

Deixo um abraço a todos os meus amigos e visitantes.

.

Teresa

.

neste momento estou: em paz

escrevinhado por MT-Teresa às 14:01
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
partilhar
Quarta-feira, 14 de Março de 2007

Carta ao meu pai

 
.
Ola querido pai
Estou a escrever-te, não só porque hoje é  o dia do teu aniversário mas porque senti vontade de te "falar".
 
Primeiro que tudo quero que saibas que à medida que o tempo passa, mais tenho consciência do quanto me fazes falta e mais entendo e "vejo" a maravilhosa pessoa que tu eras, com defeitos é certo, que eu na altura valorizei demais, mas que com o tempo e amadurecimento percebi que não eram relevantes.
 
Compreendo cada vez mais o teu amor incondicional por mim e tenho saudades do teu apoio, compreensão e do respeito que tinhas pelo meu "eu".
 
Sabes, o meu filho, teu único neto, que tinha ano e meio, quando partiste, é um homem maravilhoso, de quem tu muito te orgulharias. É um desportista  como tu também foste e um benfiquista de alma e coração e veste a camisola do "teu Benfica". Tenho a certeza que ele te amaria muito se tivesses ficado por cá.
 
Eu, pai, continuo muito no meu intimo "a tua menina" apesar dos anos que já passaram e das lutas que já travei. Não estavas cá para me apoiares, mas sei que se estivesses estarias sempre ao meu lado e me terias ajudado. No entanto, se olhar para todos estes anos passados, posso dizer que tenho feito um bom trabalho, e que o teu exemplo de generosidade, humildade,  bondade, honestidade e  justiça  me serviu de grande ensinamento. Sou mais parecida contigo do que com a mãe, que como sabes apesar de ser uma excelente pessoa, tem "aquele feitio".
 
A  mãe está quase com 83 anos e muitos problemas de ossos mas continua rija e muito determinada (às vezes até demais). Não te preocupes com ela. Não a abandonarei.
 
Um grande beijo da tua filha que te ama e tem muitas saudades tuas.
 
Talvez um dia nos voltaremos a encontrar...
 
A "tua menina"
.
neste momento estou: tristonha
tags: , ,

escrevinhado por MT-Teresa às 07:16
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 1 de Março de 2007

Até Sempre

tags: , ,

escrevinhado por MT-Teresa às 23:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 26 de Janeiro de 2007

Amores (imperfeitos)

 

"amor-perfeito" foto de MT

.

Despedimo-nos rapidamente sem olharmos um para o outro
Já tínhamos dito quase tudo.
Por isso, num desviar de olhos, cúmplice e significativo, calámos o resto.
O que faltava dizer. O que não precisou de ser dito.
Entrei no carro, acenei-te um adeus, mascarado de até amanhã.
Arranquei devagar e ainda te vi a olhares-me.
Voltei a cara, liguei o rádio e senti uma lágrima a deslizar.
Olhei em frente, determinada a não chorar e acelerei em direcção a casa.
Com os olhos postos no futuro.
Sem ti...

.

neste momento estou:
tags: ,

escrevinhado por MT-Teresa às 12:31
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 29 de Dezembro de 2006

Guarda-me

.

Leva contigo a minha imagem, dançando à noite para ti e guarda o meu cheiro inebriante a jasmim que ficava quando fechavas os olhos e perdidamente me amavas, a sonhar.
 
(Colocavas flores nos meus cabelos, luas nos meus olhos e num passo de magia, as nossas noites solitárias transformavam-se em dias de sol)
 
Esconde-me no lugar mais inacessível que possas encontrar
 
Assim... quem sabe?
 
A memória, da minha passagem por ti, possa ficar e não se esfume como eu
.
Teresa E
.
tags: ,

escrevinhado por MT-Teresa às 23:07
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
partilhar

Bem Vindos



" As ondas quebravam uma a uma. Eu estava só com a areia e com a espuma. Do mar que cantava só para mim

Sophia de Mello Breyner



Esta sou eu

segue-me

. 51 seguidores

Vivências Recentes

Paul Newman - Os olhos az...

Ausência

O travo amargo...

O Virar da Página

O Essencial

Carta ao meu pai

Até Sempre

Amores (imperfeitos)

Guarda-me

Vivências Passadas

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Quem visito e me visita


Created by Crazyprofile.com

mais comentados

19 comentários
14 comentários
14 comentários
10 comentários
8 comentários
8 comentários
3 comentários
1 comentário

últ. comentários

Eu quase choro com esse texto, é muito emocional. ...
http://relatodeumaborto.webnode.com/ Minha Histori...
Oi GENTE MEU NOME E ROSE TENHO 13 EU SO...
Chocante
oi meu nome é joice e eu to grávida ...
eu sou totalmente contra o aborto... eu tenho 15 a...
Acho o seguinte: todos cometemos erros! Com certez...
tb naum axo certo o aborto...matarem seu proprio f...
Isso e uma falta de ética. Pq... Q na hr q ...
Olá, Tenho 18 anos , minha namorada é mais nova do...
As nuvens passam, as amaçadores também. Desejo que...
JoãoDesistir nunca! Apenas deixei de escrever, mas...
Todos temos dores, sofremos. [Error: Irreparable i...
Aborto uma das piores coisas da vida,um ser apagan...
ESte blog é muito simpatico, Gostei,Miguel

tags

25 de abril(5)

abril(9)

adeus(9)

alegria(5)

amigos(30)

amizade(14)

amor(137)

aniversário(9)

ano novo(3)

arte(7)

ausência(17)

azuis(9)

beleza(7)

blog(41)

blogue(5)

café(3)

casa das flores(3)

cecilia meireles(6)

cinema(4)

cinza(3)

citação(29)

coisas simples(4)

consciência(3)

cores(3)

dança(16)

david mourão ferreira(7)

descoberta(3)

desejos(7)

desencontro(4)

dia do livro(3)

dor(4)

encontro(4)

enganos(5)

escolhas(4)

escrita(3)

espectaculo(3)

eu(12)

eugénio de andrade(5)

fado(4)

férias(5)

fernando pessoa(3)

filho(15)

fim(4)

florbela espanca(5)

flores(17)

fotografia(13)

fotos(11)

fotos minhas(4)

ilusão(3)

inquietação(3)

joaquim sustelo(4)

josé l. santos(3)

lágrimas(3)

liberdade(13)

lisboa(10)

livros(8)

lua(6)

luz(4)

mãe(7)

manhãs(4)

mar(19)

margarida(4)

maria teresa horta(4)

máscaras(5)

memória(18)

miguel torga(7)

morte(6)

mulher(9)

música(19)

natal(8)

noite(19)

olhos(4)

pai(4)

paixão(16)

páscoa(4)

paz(9)

pintura(13)

poema(117)

poemas de amor(8)

poesia(85)

portugal(5)

primavera(6)

rugby(6)

saudade(24)

silêncio(15)

sol(5)

solidão(19)

sonho(9)

sonhos(4)

sophia m breyner(18)

tango(5)

tempo(14)

trabalho(5)

triste(4)

tristeza(15)

tu(4)

veneza(4)

vida(225)

video(17)

zeca afonso(4)

todas as tags

Pesquisa

 

Favoritos

Vivências

1º Aniversário

As nossas almas

Encontro Mágico

Estrela do Mar II

A Carícia do Sol

Parabéns Filho

A Teia

Dia do Livro

O Crepúsculo

subscrever feeds